segunda-feira, 7 de julho de 2014

Verdade X Covardia

Dom Helder Câmara - Profeta da Paz e da Coragem
Disse Jesus: “Não tenham medo deles, pois não há nada de escondido que não venha a ser revelado, e não existe nada de oculto que não venha a ser conhecido. O que digo a vocês na escuridão, repitam à luz do dia, e o que vocês escutam em segredo, proclamem sobre os telhados.” (Mt 10,26-27)

Eu recebi uma “carta” sem remetente. O envelope estava escrito à mão, com letras feias indicando pouca habilidade com a escrita. Não costumo abrir cartas sem remetente, pois geralmente trazem porcarias. O envelope estava “gordinho”, parecia que tinha um pequeno livro. Por curiosidade, quebrei o meu costume de não abrir cartas sem remetente, imaginando que dessa vez teria algo de bom. Mas, infelizmente parece que essa regra não tem excessão, mais uma porcaria.

No envelope tinha um pequeno livreto que na capa estava escrito: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. (Jo 8,32) Era um livreto falando mal de minha Igreja. Aquele papo de sempre: adoração de imagens, papa que trabalha para o capeta, padres que não casam, santos que não estão no céu, católicos que vão para o inferno, Maria mãe de Jesus que tinha um monte de filhos, etc. 

Um livrinho por sinal muito mal escrito com muitos erros ortográficos e com falhas na concordância verbal e na regência nominal. Confesso que fique muito aborrecido em receber esse tipo de literatura. Estragou o meu dia.

No fim do dia, ainda aborrecido, passei a refletir melhor sobre o livrinho e sobre quem o enviou a mim. No começo do livro estava escrito: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. (Jo 8,32) Essa frase de Jesus sempre tocou o meu coração. Passei a me perguntar porque uma pessoa com a intenção de falar a verdade a alguém esconderia sua identidade? Quando os soldados procuravam prender Jesus, “Ele saiu e perguntou a eles: Quem é que vocês estão procurando? Eles responderam: Jesus de Nazaré. Jesus disse: Sou eu.” (Jo 18,4-5). Jesus não oculta sua identidade, pois sua mensagem e sua ação correspondem à vontade de Deus Pai.

Algumas pessoas querem anunciar sua mensagem mas se escondem para não ter oposição nem respostas. Há pessoas que querem anunciar seu “evangelho” mas, dominados pela covardia, se escondem no anonimato. Eu não acredito nesse “evangelho da covardia” onde a pessoa que falar sua “verdade”, mas não quer revelar sua face, sua identidade. Eu não acredito naqueles que têm vergonha do Evangelho. A verdade que liberta não pode se esconder atrás dessa gente covarde que tem vergonha de mostrar sua cara e de assumir seus erros. O Espirito Santo dá coragem para testemunhar.

Eu não tenho vergonha daquilo que sou! Sou Cristão-católico-apostólico-romano, presbítero da Igreja, franciscano-pecador, santista, filho de alagoanos, biblista e teimoso como uma mula. Creio na Trindade, em Nossa Senhora, nos santos e santas, no Papa, na Igreja e em meus irmãos e irmãs. Se eu mando uma carta, lá está o meu nome. Sou criticado e apoiado por aquilo que escrevo, falo e penso. Não há porque ter medo! O Evangelho nos ilumina!!! 

Não há espaço para covardia no Evangelho. Disse Jesus Mestre:  “Portanto, todo aquele que der testemunho de mim diante dos homens, também eu darei testemunho dele diante do meu Pai que está no céu. Aquele, porém, que me renegar diante dos homens, eu também o renegarei diante do meu Pai que está no céu.” (Mt 10,32-33)

Enfim, não posso dar crédito aos covardes e o livrinho já se encontra no lixo. Não tem como aproveitá-lo, senão na reciclagem. Quão bom seria se pudéssemos reciclar os covardes que querem anunciar o Evangelho sem os princípios e a coragem de Jesus! Mas, isso é impossível para nós. Não para Deus!!! E meu dia ficou bom novamente!


Oração: Senhor Jesus Cristo, Mestre de mim, sois a coragem e a ternura do amor. Ajudai-me a anunciar vossa Palavra com coragem e honestidade. Afastai-me da covardia que faz com que eu não assuma quem eu sou. Que eu não pertença às trevas. Assim seja.



Pe. Demetrius dos Santos Silva

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tenha educação...